cursos

Arquitetura Moderna em São Paulo – Oscar Niemeyer, Vilanova Artigas, Lina Bo Bardi e Paulo Mendes da Rocha curso com Gabriel Kogan

início em 06/02

História da Arquitetura: curso imersivo sobre a obra de quatro arquitetos brasileiros – Oscar Niemeyer, Vilanova Artigas, Lina Bo Bardi e Paulo Mendes da Rocha – com foco em suas produções em São Paulo. Quatro visitas guiadas a prédios paradigmáticos – obras-chaves do modernismo em São Paulo – complementam as aulas expositivas. As aulas teóricas debaterão o contexto histórico dos projetos e arquitetos e as visitas comentadas serão oportunidades para experienciar os espaços e observar detalhes da construção no próprio local.

Ao final do curso será entregue certificado com nome e RG de cada aluno + especificações do curso (carga horária de 18 horas, título, professor) e assinatura dos diretores.

* Teremos ônibus fretado para todas as visitas.

CRONOGRAMA

6 de Fevereiro (Quinta-Feira)

10h30 às 12h00

Apresentação do curso, instruções gerais e introdução crítica-histórica sobre a arquitetura moderna no Brasil. Origens históricas; bases teóricas e relações com o modernismo internacional e as artes.

14h30 às 16h30

Oscar Niemeyer

A importância histórica de Oscar para a arquitetura moderna. O Congresso Nacional (Brasília) e a Casa Rothschild (Israel) servirão como exemplo de seu processo de trabalho. Será comparada também a metodologia de criação nessas obras com a produção do arquiteto em São Paulo, em especial o Parque Ibirapuera e o Edifício Copan.

16h30 às 18h00

Vilanova Artigas

Aula sobre o percursor da Escola Paulista, compreendendo a história das principais obras do arquiteto, como a FAU-USP e o Edifício Louveira. Serão analisados também o significado as proposições acadêmicas do arquiteto e sua relação com a política nacional.

7 de Fevereiro (Sexta-Feira)

10h30 às 12h00

Lina Bo Bardi

A aula explorará os processos de projeto da arquiteta, focando nas suas estratégias de antecipar possíveis futuros usos dos espaços para criar situação e atmosferas na arquitetura. A história do SESC Pompeia e a do MASP serão exploradas em detalhes.

14h00 às 16h00

Parque Ibirapuera, obra de Oscar Niemeyer

16h00 às 18h00

Visita à FAU,  projetada por Vilanova Artigas

8 de Fevereiro (Sábado)

10h30 às 12h00

Paulo Mendes da Rocha

Principais conceitos que permeiam a obra de Paulo Mendes da Rocha, desde das proposições radicais de sua arquitetura residencial até a relação de seu pensamento sobre a natureza.

14h00 às 16h00

Visita guiada ao SESC Pompeia, projetado por Lina Bo Bardi.

16h00 às 18h00

Visita guiada ao MuBE, projetado por Paulo Mendes da Rocha

GABRIEL KOGAN, Arquiteto e crítico, formado pela Faculdade de Arquitetura e Urbanismo da Universidade de São Paulo (FAU-USP) em 2009. Palestrante convidado na Politécnico de Milão (POLIMI, Campus Mantova) entre 2015 e 2018 e na Escola da Cidade (desde 2018). Oferece cursos livres no MASP e MuBE. Colaborou com a Folha de S.Paulo, Revista Bamboo, AU e as japonesas A+U e GA House. Em 2013, apresentou mestrado no UNESCO-IHE nos Países Baixos. Entre 2007 e 2015, trabalhou como arquiteto no Studio MK27. Participou no anteprojeto do Museu de Minas e Metal de Paulo Mendes da Rocha em 2006 e da organização do Arte/Cidade de Nelson Brissac em 2005. Em 2015, fundou o instituto CENTRO Pesquisas Urbanas e edita a Revista Centro (http://revistacentro.org). Integra o juri do Troféu APCA, Associação Paulista de Críticos de Arte (desde 2016).

03 encontros | 10h30 às 18h | quinta, sexta e sábado

06, 07 e 08 de fevereiro

R$ 590
R$ 590